segunda-feira, maio 05, 2008

Bi

Parecia um filme que eu já tinha visto. O jogo começa com um gol do Botafogo - na verdade, um verdadeiro frango do goleirão Bruno, que vinha se achando o último biscoito do pacote depois que fez um gol de falta contra o Coronel à Bolognesa. Este gol entrou pra história como o primeiro de falta marcado por um goleiro do Flamengo, e foi realmente lindo, no melhor estilo Zico, quando o goleiro adversário nem tira os pés do chão (confiram aqui). Ontem, infelizmente, Bruno deu uma vacilada que poderia ter comprometido a vitória rubro-negra, assim como o gol perdido do Ibson. Mas a coisa mudaria de figuria.



Início do segundo tempo, Flamengo perdendo de um a zero, e o técnico Joel Santana resolve colocar Tardelli e Obina, os salvadores do Megão. Obina empata o jogo e Tardelli vira, da mesma forma como fez há três meses na final da Taça Guanabara, contra o mesmo Botafogo. E pra colocar a cereja no bolo, Tardelli leva a bola até a área adversária e passa para Obina fechar o placar: Mengão três a um contra o Botafogo, consagrado bicampeão carioca e, agora, com o mesmo número de títulos do Fluminense. Caso vença o carioca no ano que vem, o Flamengo irá para o penta-tricampeonato carioca e será recordista isolado, com 31 títulos estaduais.



Penso que agora, de alma lavada, um dos nossos mais ilustres torcedores pode esquecer do embaraço sofrido durante os últimos dias e gritar a plenos pulmões:





10 comentários:

Sunflower disse...

É, o Bruno deu uma vacilada.

Paulo Bono disse...

Na hora do vamos ver, quando a chapa esquenta, quando separam os homens dos meninos, só dá Mengão. Sempre.

Abraço rubro-negro

Anônimo disse...

és, time de travecão, usa saia e batom, é teu mengo; eu nunca me enganei, desde pequeno eu sei, flamengo é gay!

Anônimo disse...

o melhor do ano foi a estréia do gordinho com o pano de chão rubro negro!!

gigi disse...

amanhã tenho aula. pode ser na quarta? acabei não viajando. baffo, babado e confusão.

Rackel disse...

Pois é... agora só dá Ronaldo em todas as rodas de conversae até nos blogs!

rsrsrs

Anônimo disse...

Ronaldo é gente. Saiu do pedestal de ídolo e ressurgiu com todas as fragilidades humanas. Saiu da solidão do Olimpo para os dramas da realidade. Saiu da favela, do campinho de terra na baixada para os gramados da Europa e festas em castelos. Viveu seus momentos de rei e semi-deus, sem nunca deixar de ser apenas humano. E aí, como qualquer mortal, desceu ao porão de seus instintos, instigando o pensamento e as críticas dos puros,falsos moralistas, bichas enrustidos, satisfeitos com o escorregão do milionário ídolo que não pode ser apenas o que é.

Cascarravias disse...

nao tem problema nenhum em dar asas a desejos e sei la mais o que.
tem muito problema em ficar fingindo que nao e criando mil firulas ridículas pra sustentar uma imagem contrária a esses atos pra se encher mais ainda de dinheiro.

P.R. disse...

viu o jogo ontem? ooops!

SAMANTHA ABREU disse...

hahahahahaa
Ainda bem que sou Palmereinse!
ehehehee